22 de dez de 2008

Pessoas gerando energia na Holanda.

Finalmente alguém surgiu com uma idéia bacana para dar alguma aplicação prática às irritantes portar rotativas, e como toda grande idéia, ela é absurdamente simples: porque não usar o seu movimento para gerar um pouco de energia?

A idéia foi da empresa holandesa Boon Edan para ser usada em uma estação de trens que atende a 8500 passageiros em seu país. No caso, em vez de usar portas deslizantes, que efetivamente gastam energia, eles optaram por portas rotativas equipadas com um gerador e super-capacitores, que armazenam energia que é usada em luzes LEDs no teto da estação. Quando os capacitores estão sem carga, o sistema de controle passa a capturar energia de outra fonte.

Ao inverter a lógica, em vez de usar portar que consumam energia, usar portas que gerem, a estação economizará 4600kWh por ano, literamente usando a força humana para gerar energia. Para efeitos de comparação, o consumo médio de energia em residências brasileiras em abril de 2008, era de de 185kWh/mês, ou, 2200kWh/ano. Fonte: Cybervida

0 comentários: